Medicina do Esporte
Medicina do Esporte

A Medicina do Esporte ou Medicina Esportiva é uma especialidade médica cujo objetivo é investigar a influência do exercício, do treinamento e do esporte sobre as pessoas sadias ou doentes, com a finalidade de prevenir, tratar e reabilitar.

Dentre as principais doenças que esses profissionais tratam estão:

Fraturas por stress

Desgaste ósseo que ocorre devido à sobrecarga e exercícios repetitivos de grande intensidade. Esse tipo de fratura vem crescendo muito no meio esportivo e sua maior incidência é em atletas e corredores.

Overtraining

É o resultado de um treinamento exagerado, sem que o corpo tenha tempo suficiente para se recuperar entre um treino e outro. Isto envolve a sobrecarga de peso ou de intensidade, excesso de estímulo ou repetição e frequência de treinos, ou ainda, um aumento brusco da intensidade ou da frequência dos treinos.  

Os principais sintomas do overtraining são: cansaço excessivo, fadiga, irritabilidade, dores nas articulações, queda da imunidade, dificuldade para dormir, alteração do humor, desânimo, dificuldade na execução dos exercícios que antes eram possíveis.

Lesões articulares

Podemos citar entre as principais lesões articulares:

  • Contusão: resultado de um forte impacto e que pode causar uma lesão nos tecidos moles da superfície, nos músculos, nos tendões ou ligamentos articulares. 
  • Luxações e redução articular: é o deslocamento de um ou mais ossos de uma articulação devido a uma força brusca que atua direta ou indiretamente numa articulação, empurrando o osso para uma posição anormal. 

Lesões musculares

Dentre as principais lesões musculares podemos citar o estiramento e a distensão, que é o resultado de uma lesão tanto no músculo como no tendão. Ela pode ser um simples estiramento, com uma pequena ruptura de fibras musculares, ou então um rompimento parcial ou completo na junção músculo-tendão. É resultante de um esforço extremo realizado pelo músculo em questão.